Tattoo Arte - Tatuagem & Body Piercing
Menu

Significado das Tatuagens Polinésias!


Tatuagens Polinésias – conheça agora este incrível estilo!

As tatuagens polinésias são uma das mais artísticas em todo o mundo antigo. Ela se desenvolveu durante milhares de anos nas ilhas do Pacífico e, em sua forma mais avançada, era caracterizada por designs geométricos muito elaborados.

A tatuagem era a única forma de arte na Polinésia. Com o tempo se desenvolveu nas ilhas do Pacífico e foi amplamente adotada e imitada pelos ocidentais. Ela é caracterizada por desenhos geométricos muito elaborados. A tatuagem polinésia é uma das mais artísticas.

Significado da tatugem polinésia

Pode ter dois significados. O primeiro é o “etua”, traz consigo a representação religiosa e espiritual. Este estilo também tem símbolos mágicos de proteção. O outro é o “enata” e representa a pessoa, seu modo de vida, seu trabalho.  Apesar de ter dois estilos distintos, a tatuagem polinésia representa honra e coragem.

Veja alguns exemplos de tatuagens masculinas neste estilo:

Tatuagem Maia Braço

Tatuagem braço Lado

Acredita-se que a Polinésia foi ocupada por habitantes vindos da parte sul da Ásia que, gradualmente foram habitando as ilhas da Melanésia do Norte. Evidências sugerem que as áreas da Nova Guiné foram ocupadas há cerca de 50 mil anos, Chamados de Lapitas, por causa de um tipo de cerâmica que produziam.

A cerâmica Lapita é um assunto de interesse especial para a história da tatuagem, porque nos fornece a mais antiga evidência que prova a natureza dos motivos das tatuagens polinésias.

Muitos dos potes e vasos de cerâmica da cultura Lapida traziam decorações neles gravados, que consistiam em elementos em forma de V, figuras geométricas interligadas e motivos estilizados, semelhantes a máscaras e criaturas do mar. Motivos similares são encontrados nas tatuagens da Polinésia e até mesmo a técnica de gravar os desenhos em séries muito próximas, feitos com pontilhados, sugere que a técnica utilizada na decoração da cerâmica era um tanto quanto similar à usada na tatuagem.

As tatuagens Polinésias desmembra-se em vários estilos, veja abaixo alguns dos mais conhecidos:

Tatuagem Marquesa, Tatuagem Samoano e uma das mais conhecidas é a Tatuagem Maori.

A Tatuagem Maori que tem origem da Nova Zelândia;

Em tradução livre, um relato do capitão James Cook, um dos responsáveis pela colonização daquele território, a respeito das tatuagem maori:

 

“As marcas, em geral, são espirais desenhadas com grande minúcia e até elegância. Os lados correspondem um ao outro. As marcas no corpo lembram folhagens em ornamentos antigos, […] mas nestes trabalhos há tamanho luxo nas formas que, de centenas de desenhos aparentemente iguais à primeira vista, um exame de perto explicita que não há produções iguais.”

Mas com isso vem um fato curioso: como os maoris tatuavam seus rostos por diversos motivos pessoais e familiares, eles guardavam as cabeças – parte mais importante do corpo – de seus inimigos em urnas sagradas como troféu. Interessados na “iguaria”, os colonizadores, no século XIX, começaram a trocar esses artigos por dinheiro e armas de fogo. Isso instigou o início de uma guerra entre os maoris, que passaram a buscar cabeças para trocá-las por suprimentos.

Em 1831, essa prática foi proibida, e missionários que chegaram à ilha quase dizimaram a cultura local. Assim como ocorreu com nativos de outras regiões, os maoris tiveram incontáveis perdas devido ao processo de colonização. Atualmente, sua população beira as 700 mil pessoas (a população da Nova Zelândia é de quase cinco milhões); este número tem crescido em aproximadamente 10 mil por ano.

Mas os colonizadores não conseguiram destruir uma cultura com raízes tão profundas, que ao invés de ter sido dizimada, é muito valorizada nos dias atuais, não só pelas suas manifestações, mas também pela forma de interação entre o homem e a natureza.

Fontes: Tatuagem.com.br, Tā mokoNois na Niu ZílaMaorisGoverno da Nova Zelândia , inkagetattoo.blogspot.com.br, www.artenocorpo.com